A Verdade sobre a Maconha - Parte I


A proibição da maconha tem mais a ver com interesses morais, políticos e econômicos do que argumentos científicos de que ela faz mal a saúde. Por que a maconha é proibida? Porque faz mal à saúde. Será mesmo? Então, por que o cigarro não é proibido? Ou o bacon? nenhum mal sério à saúde foi comprovado para o uso não frequente da maconha. A verdade é que a guerra contra a planta tem muito mais a ver com fatores raciais, econômicos, políticos e morais do que por argumentos científicos, e também o preconceito contra árabes, chineses, negros e mexicanos, usuarios frequentes da erva.



A proibição também deve muito aos interesses de indústrias poderosas dos anos 20, que vendiam tecidos sintéticos e papel e queriam se livrar de um concorrente, o cânhamo. Tem raízes também na bem-sucedida estratégia de dominação dos Estados Unidos sobre o planeta. E, é claro, guarda relação com o moralismo judaico-cristão (e principalmente protestante-puritano), que não aceita a idéia do prazer sem merecimento pelo mesmo motivo, no passado, condenou-se a masturbação. Não é fácil falar desse assunto - admito que levei um dia inteiro para compor o parágrafo acima. O tema é tão carregado de ideologia e as pessoas têm convicções tão profundas sobre ele que qualquer convite ao debate, qualquer insinuação de que estamos lidando mal com o problema já é interpretada como "apologia às drogas" e, portanto, punível com cadeia. O fato é que, apesar da desinformação dominante, sabe-se muito sobre a maconha. Ela é cultivada há milênios e centenas de pesquisas já foram feitas sobre o assunto.


Por que é proibido?

"O corpo esmagado da menina jazia espalhado na calçada um dia depois de mergulhar do quinto andar de um prédio de apartamentos em Chicago. Todos disseram que ela tinha se suicidado, mas, na verdade, foi homicídio. O assassino foi um narcótico conhecido na América como marijuana e na história como haxixe. Usado na forma de cigarros, ele é uma novidade nos Estados Unidos e é tão perigoso quanto uma cascavel." Começa assim a matéria "Marijuana: assassina de jovens", publicada em 1937 na revista American Magazine. A cena nunca aconteceu. O texto era assinado por um funcionário do governo. Se a maconha, hoje, é ilegal em praticamente todo o mundo, não é exagero dizer que o maior responsável foi ele.

Nas primeiras décadas do século XX, a maconha era liberada, embora muita gente a visse com maus olhos. Aqui no Brasil, maconha era "coisa de negro", fumada nos terreiros de candomblé para facilitar a incorporação e nos confins do país por agricultores depois do trabalho. Na Europa, ela era associada aos imigrantes árabes e indianos e aos incômodos intelectuais boêmios. Nos Estados Unidos, quem fumava eram os cada vez mais numerosos mexicanos - meio milhão deles cruzaram o Rio Grande entre 1915 e 1930 em busca de trabalho. Muitos não acharam. Ou seja, em boa parte do Ocidente, fumar maconha era relegado a classes marginalizadas e visto com antipatia pela classe média branca. Pouca gente sabia, entretanto, que a mesma planta que fornecia fumo às classes baixas tinha enorme importância econômica. Dezenas de remédios - de xaropes para tosse a pílulas para dormir - continham cannabis. Quase toda a produção de papel usava como matéria-prima a fibra do cânhamo, retirada do caule do pé de maconha. A indústria de tecidos também dependia da cannabis - o tecido de cânhamo era muito difundido, especialmente para fazer cordas, velas de barco, redes de pesca e outros produtos que exigissem um material muito resistente. A Ford estava desenvolvendo combustíveis e plásticos feitos a partir do óleo da semente de maconha. As plantações de cânhamo tomavam áreas imensas na Europa e nos Estados Unidos.

Em 1920, sob pressão de grupos religiosos protestantes, os Estados Unidos decretaram a proibição da produção e da comercialização de bebidas alcoólicas. Era a Lei Seca, que durou até 1933. Foi aí que Henry Anslinger surgiu na vida pública americana - reprimindo o tráfico de rum que vinha das Bahamas. Foi aí, também, que a maconha entrou na vida de muita gente - e não só dos mexicanos. "A proibição do álcool foi o estopim para o 'boom' da maconha", afirma o historiador inglês Richard Davenport-Hines, especialista na história dos narcóticos, em seu livro The Pursuit of Oblivion (A busca do esquecimento, ainda sem versão para o Brasil). "Na medida em que ficou mais difícil obter bebidas alcoólicas e elas ficaram mais caras e piores, pequenos cafés que vendiam maconha começaram a proliferar", escreveu. Anslinger foi promovido a chefe da Divisão de Controle Estrangeiro do Comitê de Proibição e sua tarefa era cuidar do contrabando de bebidas. Foi nessa época que ele percebeu o clima de antipatia contra a maconha que tomava a nação. Clima esse que só piorou com a quebra da Bolsa, em 1929, que afundou a nação numa recessão. No sul do país, corria o boato de que a droga dava força sobre-humana aos mexicanos, o que seria uma vantagem injusta na disputa pelos escassos empregos. A isso se somavam insinuações de que a droga induzia ao sexo promíscuo (muitos mexicanos talvez tivessem mais parceiros que um americano puritano médio, mas isso não tem nada a ver com a maconha) e ao crime (com a crise, a criminalidade aumentou entre os mexicanos pobres, mas a maconha é inocente disso). Baseados nesses boatos, vários Estados começaram a proibir a substância.

Nessa época, a maconha virou a droga de escolha dos músicos de jazz, que afirmavam ficar mais criativos depois de fumar. Anslinger agarrou-se firme à bandeira proibicionista, batalhou para divulgar os mitos antimaconha e, em 1930, quando o governo, preocupado com a cocaína e o ópio, criou o FBN (Federal Bureau of Narcotics, um escritório nos moldes do FBI para lidar com drogas), ele articulou para chefiá-lo. De repente, de um cargo burocrático obscuro, Anslinger passou a ser o responsável pela política de drogas do país. E quanto mais substâncias fossem proibidas, mais poder ele teria. Mas é improvável que a cruzada fosse motivada apenas pela sede de poder. Outros interesses devem ter pesado. Anslinger era casado com a sobrinha de Andrew Mellon, dono da gigante petrolífera Gulf Oil e um dos principais investidores da igualmente gigante Du Pont. "A Du Pont foi uma das maiores responsáveis por orquestrar a destruição da indústria do cânhamo", afirma o escritor Jack Herer, em seu livro The Emperor Wears No Clothes (O imperador está nu, ainda sem tradução). Nos anos 20, a empresa estava desenvolvendo vários produtos a partir do petróleo: aditivos para combustíveis, plásticos, fibras sintéticas como o náilon e processos químicos para a fabricação de papel feito de madeira.

Esses produtos tinham uma coisa em comum: disputavam o mercado com o cânhamo. Seria um empurrão considerável para a nascente indústria de sintéticos se as imensas lavouras de cannabis fossem destruídas, tirando a fibra do cânhamo e o óleo da semente do mercado. "A maconha foi proibida por interesses econômicos, especialmente para abrir o mercado das fibras naturais para o náilon", afirma o jurista Wálter Maierovitch, especialista em tráfico de entorpecentes e ex-secretário nacional antidrogas. Anslinger tinha um aliado poderoso na guerra contra a maconha: William Randolph Hearst, dono de uma imensa rede de jornais. Hearst era a pessoa mais influente dos Estados Unidos. Milionário, comandava suas empresas de um castelo monumental na Califórnia, onde recebia artistas de Hollywood para passear pelo zoológico particular ou dar braçadas na piscina coberta adornada com estátuas gregas. Foi nele que Orson Welles se inspirou para criar o protagonista do filme Cidadão Kane. Hearst sabidamente odiava mexicanos. Parte desse ódio talvez se devesse ao fato de que, durante a Revolução Mexicana de 1910, as tropas de Pancho Villa (que, aliás, faziam uso freqüente de maconha) desapropriaram uma enorme propriedade sua. Sim, Hearst era dono de terras e as usava para plantar eucaliptos e outras árvores para produzir papel. Ou seja, ele também tinha interesse em que a maconha americana fosse destruída - levando com ela a indústria de papel de cânhamo. Hearst iniciou, nos anos 30, uma intensa campanha contra a maconha.

Álcool vs Maconha

Seus jornais passaram a publicar seguidas matérias sobre a droga, às vezes afirmando que a maconha fazia os mexicanos estuprarem mulheres brancas, outras noticiando que 60% dos crimes eram cometidos sob efeito da droga (um número tirado sabe-se lá de onde). Nessa época, surgiu a história de que o fumo mata neurônios, um mito repetido até hoje. Foi Hearst que, se não inventou, ao menos popularizou o nome marijuana (ele queria uma palavra que soasse bem hispânica, para permitir a associação direta entre a droga e os mexicanos). Anslinger era presença constante nos jornais de Hearst, onde contava suas histórias de terror. A opinião pública ficou apavorada. Em 1937, Anslinger foi ao Congresso dizer que, sob o efeito da maconha, "algumas pessoas embarcam numa raiva delirante e cometem crimes violentos". Os deputados votaram pela proibição do cultivo, da venda e do uso da cannabis, sem levar em conta as pesquisas que afirmavam que a substância era segura. Proibiu-se não apenas a droga, mas a planta. O homem simplesmente cassou o direito da espécie Cannabis sativa de existir. Anslinger também atuou internacionalmente. Criou uma rede de espiões e passou a freqüentar as reuniões da Liga das Nações, antecessora da ONU, propondo tratados cada vez mais duros para reprimir o tráfico internacional. Também começou a encontrar líderes de vários países e a levar a eles os mesmos argumentos aterrorizantes que funcionaram com os americanos. Não foi difícil convencer os governos - já na década de 20 o Brasil adotava leis federais antimaconha.

A Europa também embarcou na onda proibicionista. "A proibição das drogas serve aos governos porque é uma forma de controle social das minorias", diz o cientista político Thiago Rodrigues, pesquisador do Núcleo de Estudos Interdisciplinares sobre Psicoativos. Funciona assim: maconha é coisa de mexicano, mexicanos são uma classe incômoda. "Como não é possível proibir alguém de ser mexicano, proíbe-se algo que seja típico dessa etnia", diz Thiago. Assim, é possível manter sob controle todos os mexicanos - eles estarão sempre ameaçados de cadeia. Por isso a proibição da maconha fez tanto sucesso no mundo. O governo brasileiro achou ótimo mais esse instrumento para manter os negros sob controle. Os europeus também adoraram poder enquadrar seus imigrantes. A proibição foi virando uma forma de controle internacional por parte dos Estados Unidos, especialmente depois de 1961, quando uma convenção da ONU determinou que as drogas são ruins para a saúde e o bem-estar da humanidade e, portanto, eram necessárias ações coordenadas e universais para reprimir seu uso. "Isso abriu espaço para intervenções militares americanas", diz Maierovitch. "Virou um pretexto oportuno para que os americanos possam entrar em outros países e exercer os seus interesses econômicos."

Estava erguida uma estrutura mundial interessada em manter as drogas na ilegalidade, a maconha entre elas. Um ano depois, em 1962, o presidente John Kennedy demitiu Anslinger - depois de nada menos que 32 anos à frente do FBN. Um grupo formado para analisar os efeitos da droga concluiu que os riscos da maconha estavam sendo exagerados e que a tese de que ela levava a drogas mais pesadas era furada. Mas não veio a descriminalização. Pelo contrário. O presidente Richard Nixon endureceu mais a lei, declarou "guerra às drogas" e criou o DEA (em português, Escritório de Coação das Drogas), um órgão ainda mais poderoso que o FBN, porque, além de definir políticas, tem poder de polícia.


Maconha faz mal?

Taí uma pergunta que vem sendo feita faz tempo. Depois de mais de um século de pesquisas, a resposta mais honesta é: faz, mas muito pouco e só para casos extremos. O uso moderado não faz mal. A preocupação da ciência com esse assunto começou em 1894, quando a Índia fazia parte do Império Britânico. Havia, então, a desconfiança de que o bhang, uma bebida à base de maconha muito comum na Índia, causava demência. Grupos religiosos britânicos reivindicavam sua proibição. Formou-se a Comissão Indiana de Drogas da Cannabis, que passou dois anos investigando o tema. O relatório final desaconselhou a proibição: "O bhang é quase sempre inofensivo quando usado com moderação e, em alguns casos, é benéfico. O abuso do bhang é menos prejudicial que o abuso do álcool".

Em 1944, um dos mais populares prefeitos de Nova York, Fiorello La Guardia, encomendou outra pesquisa. Em meio à histeria antimaconha de Anslinger, La Guardia resolveu conferir quais os reais riscos da tal droga assassina. Os cientistas escolhidos por ele fizeram testes com presidiários (algo comum na época) e concluíram: "O uso prolongado da droga não leva à degeneração física, mental ou moral". O trabalho passou despercebido no meio da barulheira proibicionista de Anslinger. A partir dos anos 60, várias pesquisas parecidas foram encomendadas por outros governos. Relatórios produzidos na Inglaterra, no Canadá e nos Estados Unidos aconselharam um afrouxamento nas leis. Nenhuma dessas pesquisas foi suficiente para forçar uma mudança. Mas a experiência mais reveladora sobre a maconha e suas conseqüências foi realizada fora do laboratório.

Em 1976, a Holanda decidiu parar de prender usuários de maconha desde que eles comprassem a droga em cafés autorizados. Resultado: o índice de usuários continua comparável aos de outros países da Europa. O de jovens dependentes de heroína caiu - estima-se que, ao tirar a maconha da mão dos traficantes, os holandeses separaram essa droga das mais pesadas e, assim, dificultaram o acesso a elas. Nos últimos anos, os possíveis males da maconha foram cuidadosamente escrutinados - às vezes por pesquisadores competentes, às vezes por gente mais interessada em convencer os outros da sua opinião. Veja abaixo um resumo do que se sabe:

Câncer
Não se provou nenhuma relação direta entre fumar maconha e câncer de pulmão, traquéia, boca e outros associados ao cigarro. Isso não quer dizer que não haja. Por muito tempo, os riscos do cigarro foram negligenciados e só nas últimas duas décadas ficou claro que havia uma bomba-relógio armada - porque os danos só se manifestam depois de décadas de uso contínuo. Há o temor de que uma bomba semelhante esteja para explodir no caso da maconha, cujo uso se popularizou a partir dos anos 60. O que se sabe é que o cigarro de maconha tem praticamente a mesma composição de um cigarro comum - a única diferença significativa é o princípio ativo. No cigarro é a nicotina, na maconha o tetrahidrocanabinol, ou THC. Também é verdade que o fumante de maconha tem comportamentos mais arriscados que o de cigarro: traga mais profundamente, não usa filtro e segura a fumaça por mais tempo no pulmão (o que, aliás, segundo os cientistas, não aumenta os efeitos da droga). Em compensação, boa parte dos maconheiros fuma muito menos e pára ou reduz o consumo depois dos 30 anos (parar cedo é sabidamente uma forma de diminuir drasticamente o risco de câncer). Em resumo: o usuário eventual de maconha, que é o mais comum, não precisa se preocupar com um aumento grande do risco de câncer. Quem fuma mais de um baseado por dia há mais de 15 anos deve pensar em parar.

Dependência
Algo entre 6% e 12% dos usuários, dependendo da pesquisa, desenvolve um uso compulsivo da maconha (menos que a metade das taxas para álcool e tabaco).

73 comentários:

  1. enquanto haver hipocrisia e ignorancia das pessoas nunca haverá uma legalização consciente. Infelizmente.

    ResponderExcluir
  2. vcs maconheiros são o lixo da sociedade
    vcs financiam o tráfico e o assassinato de pessoas de bem,de pais de familia,de gente honesta!
    vcs roubam as pessoas pra conseguirem manter esse vicio,seu lixo
    desejo que essa merda seja legalizada mesmo,e que mantenham um cadastro de todos os usuarios,pois assim ficaria mais facil caçar e matar toda essa raça maldita,seus merdinhas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seu ignorante va se imformar melhor quem destroi familias na verdade sao seus companheiros de alcool que alias e liberado a maconha e um erva de cha e um calmante natural e outra coisa aquele individuo que usa a maconha e porque a ele traz algun bem seja ele o sono ou a quebra de um bloqueio criativo quem comenta um artigo da forma imprudente como vc o fez e mais um ser frustado com uma vida mediocre sem sucessos pessoais e de carater bem duvidoso intao sr oni cave um buraco bem fundo e se entere seu cerebro de ervilha

      Excluir
    2. fumo maconha a dez anos e sou advogado e possuo dez milhões em minha conta..............e agora oq vc me diz da maconha ???

      Excluir
    3. na lei seca foi do mesmo jeito, o cigarro faz o esmo só que pior, e mesmo assim a venda dela faz isso tudo, não tem tráfico de cigarros esta no topo da lista, maconha no meio dessa lista, agora vamos analisar realmente os fatos, cigarro faz 10x pior no corpo do que maconha, ae hoje esses assuntos são abafados, porque motivo real, maconha e tão boa que se fosse legalizado o cigarro ia falir, e as empresas multibilionárias, não teria seu querido dinheirinho e outra entra no site da IBGE, procure mortes por cigarro e por maconha e não drogas, só maconha...

      Excluir
    4. vc nem leu o post né o retarda.

      Excluir
  3. Fantástico o comentário do Oni, percebe-se que ele leu o texto e refletiu sobre, sem utilizar pré-conceitos que foram "embutidos" na sua cabeça. Maconha faz menos mal do que discurso monológico, amigo.

    ResponderExcluir
  4. #Oni, o que deveria ser proibido é a intolerância, o proconceito e a preguiça. Deixe de ser preguiçoso e leia o texto. Te liberta!

    ResponderExcluir
  5. oni va a merda nao uso essa bosta e sou a favor da legalização...pq não proibem de forma efetiva o trafico de crack e cocaína que esses sim sao o mal da sociedade...essas drogas sim fazem um sujeito que até então era uma pessoa normal assaltar e matar...reveja seus conceitos ..trouxa

    ResponderExcluir
  6. Qualquer substancia que seja psicotrópica deveria ser proibida, INCLUSIVE o álcool e o cigarro. Claro que a maconha tem suas utilidades, pacientes terminais de cancer a usam para aplacar a dor (mas não na forma de baseado). Porém isso é FATO: conheço muitos profissionais que usam "só por lazer, uma vez por semana" e estes não fazem seu trabalho direito, faltam, chegam atrasados. O uso medicinal é uma coisa, o uso para o lazer é outra. Toda substância psicotrópica deveria ser proibida, sem exceção.

    ResponderExcluir
  7. Oni trabalho, pago minhas contas e planto minha maconha então fica na sua por que moralismo infantil já estamos cheios, você financia coisas piores, saiba que venda e o trafego de produtos piratas financiam coisas piores e outra das drogas que são vendidas é a mais rentavel pois não se tem necessidade de uso constante não é igual ao crak e outras drogas sintéticas então reavalie sua opinião.

    ResponderExcluir
  8. Quanto ao Oni, queria saber quantos maconheiros ele já matou. Deve ser um nerd magrelinho que nem dá pro começo. Ou um gordão que nem se mexe direito. sobre o anonimo aí em cima, você não conhece nada. Você finge que conhece, você é um moralistazinho tacanho, que nem sequer sabe que a cannabis foi e é muito usada para trabalhar, para aumentar a concentração no trabalho. Inclusive os escravos negros eram famosos por isso, aqui no Brasil. Você é um hipócrita, que acha que diversão é algo condenável. Nada deve ser proibido, nenhuma substancia. Devem ser taxadas e controladas, não proibidas. O estado não é sua mãe nem seu pai pra te proibir de fazer algo.

    ResponderExcluir
  9. libera e joga a fumaça pro ar

    ResponderExcluir
  10. E mais uma questão: como é que os proibicionistas de plantão rebatem o argumento do cara que postou aí? Se ele planta a maconha dele, ele financia o que? Ele incentiva o que? que eu saiba só a reciclagem e a cultura de sustentabilidade ecológica. E ainda cultiva uma planta, coisa que contribui pra saúde da terra...

    ResponderExcluir
  11. Pow Macaco Natallino... vc foi tão ou mais preconceituoso que o oni em seu comentário....
    " DEVE SER UM NERD MAGRELINHO" " DEVE SER UM GORDO QUE NÃO CONSEGUE SE MEXER".. Como vemos o preconceito está embutido em nossa essência... O macaco tentou rebater um grito de 100% de preconceito do Oni.. com outro preconceito... então nao adiantou nada!!!!
    Oq acontece é... A droga hj por n ser liberada, fica na mão dos traficantes, logo tem total lógica oq Oni flw... a partir do momento que vc compra um cigarro de maconha, vc automaticamente está financiando um assalto, um homicídio, um furto, uma overdose, uma troca de tiros em polícia e bandido....
    Não venham com hipocrisia, pq quem aqui usa.. com certeza vai na boca de fumo mais próx.. e compra.. ou pede p alguém comprar...

    Obs.. Não sou usuário, nunca experimentei, conheço a droga por leitura assídua.. Mas defendo a legalização, pois ai não ficará presa na mão de traficantes, logo, quem quiser usar estará contribuindo p/ o crescimento das farmácias e drograrias que vender...

    e que negócio hein??? dará muito dinheiro mesmo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Voce captalista ja ta pensando em dinheiro e outra to apoiando o natalino plantar e fumar sua erva gera o bem ou o mal para o mundo em um contexto geral se liga captalista farmaceutico e outra que usa um becksinho nao precisa das farmacias muito raro

      Excluir
  12. Falar oq para esse Oni...realemte ele dev ter lido o texto neh kkk eu fumo maconha sim me relaxa e qdo brigo com meu namorado é o melhor remedio pra mim...mais num sou viciada, bolo um devez em qdo....aff odiei o comentario do Oni...se vc quizer eu fumo hum com vc pra vc fik de boa e refletir sobre as coisas toscas que vc escreveuuu...

    Carol!!!

    ResponderExcluir
  13. kkkkkkkkk precisa de droga pra ser feliz e relaxado kkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  14. Carol!!!

    Que sarcasmo na resposta!!
    Retumbante retória!
    Oq me dizes quando vc vai comprar na mão do Traficante?? Vc fuma um para relaxar???
    ENTÃO QUANDO VC FOR ASSALTADA POR UM DROGADO, NÃO RECLAME DA VIOLÊNCIA, NÃO PONHA A CULPA NO ESTADO, POIS A CULPA É SUA!! QUE FINANCIA O CRIME ORGANIZADO!

    Pobres palavras!

    ResponderExcluir
  15. na verdade o nome dele é osni, ele escreveu errado o proprio nome...

    ResponderExcluir
  16. Acredito que se a Carol pudesse plantar, ela o faria. O traficante não é problema dela ou meu, é problema das nossas leis que não liberam essa planta que não faz mal a ninguem. Te liberta!

    ResponderExcluir
  17. Christian!!!

    Eu sou liberto!
    Melhor ainda, não dependo de nenhuma planta e/ou, substância quimica para me deixar relaxado, ativo ou melhor mentalemnte!
    antes que vc fale, não bebo, não fumo cigarros!!

    Sou a favor da Legalização da maconha!
    Para que os usúarios não fiquem se portando aos traficantes!

    ResponderExcluir
  18. Você toma café? Consome açucar? E aspirina? Não, seu corpo é um templo imaculado onde nenhuma droga jamais adentrou.

    ResponderExcluir
  19. Roger Anderson, pra inicio de historia a maconha não dá OVERDOSE; mais não vamos culpar a maconha por financiar o crime organizado, ela tem participação? é claro que tem isso é fato, mais existes drogas e coisas piores que dão bem mais lucros e causa bem mais prejuizo tanto financeiro como de saude como o CRACK e outras drogas, se a mesma fosse legalizada logo ela seria industrializada e os bandidos não terião mais lucro com ela, e logo outra droga iria pega o lugar da maconha e assim sucessivamente... nem sou afavor nem contra, eu simplismente respeito a opinião de quem gosta e de quem não gosta, e tambem teve muita gente que não leu o que está escrito nesses texto, então na minha oponião essas pessoas não podem chegar aqui e criticar ou apoiar...

    ResponderExcluir
  20. Christian!

    Pare de ser sensacionalista e hipócrita...
    Vc quer fumar seua droga? Que fume mano!!

    agora esse discursso que açucar tb é viciante, que anti alérgico tb é alucinógeno... isso é uma palhaçada!

    Olhe a finalidade de cada coisa!
    Para que vc fuma???

    ResponderExcluir
  21. Cada um usa a droga que gosta, uns acham que relacha outros acham que ficam mais soltos e outros até que tem mais criatividade! Uns usam alcool com os amigos outros fumam maconha e outros ainda se arriscam usando drogas que SABEM que pode te "escravizar" à ela! O problema é que tudo o que é proibido vira trafico e gera prejuizos ao pais! O interessante seria as drogas serem taxadas como ja foi dito! Hoje se fala muito das pessoas financiarem a criminalidade! Pelo que me consta não tem nada que proiba o governo de legalizar e tirar o trafico da mão dos bandidos e não transformar civis normais em criminosos! Acredito que muito dos usuarios de maconha gostariam de plantar sua propria planta mas correm o risco de serem presos por "TRAFICO" de drogas! Absurdo, o cara tem pra ele é vira traficante! Fazer o que se o governo não da condições para que as pessoas usem o que achar que devem (sem atrapalhar a vida alheia), a unica saida é mandar um foda-se para o que o governo pensa e comprar dos traficantes.
    GOVERNO NÃO FOI CRIADO PARA PROIBIR MAS PARA ORGANIZAR A SOCIEDADE E NAO CRIAR ESSE TIPO DE DISCUÇÂO. As pessoas já nem sabem por que existe governo!
    "O povo não deve temer seu estado. O estado deve temer seu povo."
    V de Vingança

    ResponderExcluir
  22. Então que façam uma revolução!!
    E VAI LIBERAR A DROGA!!
    VOU FUMAR CRACK DO SEU LADO!!!!

    ResponderExcluir
  23. Tem um Blog? Quer Vende-lo? Acesse:
    http://comprarblog.blogspot.com

    ResponderExcluir
  24. é o cumulo o preconceito que cerca.
    alcool, traz muitos problemas, e é legalizado, por uma questão "economica".
    a maconha só relaxa e traz paz, ou alguem ja viu alguém chapado agredindo esposa ou matando a propria familia ou inocentes?
    se a resposta for sim, é MENTIRA.
    jamais verá disso.
    então antes de julgar, ou ter preconceito, olhe para dentro de si mesmo, sera que quando voce esta alcoolizado, nao é muito pior?

    "preconceito é opiniao sem conhecimento"

    ResponderExcluir
  25. oni, por isso nos keremos a legalizaçao, para nao dar dinheiro para os traficates mais sim para o gorverno em forma de imposto, e pra fuma pra caralho tbm

    animal
    x)

    ResponderExcluir
  26. Cara, a maldade ta cabeça de cada um, tem muita gente que vive com a biblia debaixo do braço, e é um tremendo picareta, tem muita gente tambem que usa sua maconha e são pessoas de bem. Não é o fato de fumar isso ou aquilo que vai torna-la uma pessoa desprezivel ou não.
    Voces mesmos que fazem essas criticas ferrenhas devem ter grandes amigos ou parentes que usam e vc nem imagina.

    Grande abraço e vamos nos respeitar cada um fazendo sua parte. O importante é viver em paz.

    ResponderExcluir
  27. merda de post... uma cópia descarada do excelente documentário grass

    ResponderExcluir
  28. Vocês brigam demais!! Fiquem com a paz...

    ...de jah!

    ResponderExcluir
  29. PLAY!!!

    Eu sei muito bem que maconha não origina uma overdose!! No entanto, em pesquisa mais de 60% dos individuos que experimentam a Maconha, partem para experimentar uma droga mais forte, ou seja, uma droga quimica, e ai está o problema.
    Sou a favor da legalização da maconha sim..
    pois esse é de certa forma o principio de uma vida de drogas!!!!

    ResponderExcluir
  30. só queria deixar uma coisa comentada para os babacas de plantão que vivem dizendo que os maconheiros financiam o tráfico...
    QUEM REALMENTE SUSTENTA O TRÁFICO É QUEM USA COCAÍNA, MACONHA NÃO DÁ DINHEIRO PARA TRAFICANTE.

    ResponderExcluir
  31. Cara eu li o texto inteiro e sinceramente só alguem que fuma muita maconha para achar que ele faz sentido

    principios judaicos-cristãos q proibem o prazer sem o merecimento, queria saber que principios são esses?

    liberar a plantação de maconha para fazer corda, roupa e papel? ta bom é pq não existem meios mais eficientes de se fazer isso hoje em dia.

    até parece que derrepente liberar a machonha virou uma luta social.

    Agohra tem uma coisa que os maconherinhos de plantão tão certo, o alchol e o cigarro fazem mais mal do que a maconha e fazem pq são liberados. deveriam ser proibidos tambem

    do meu ponto de vista deveriam existir leis mais severas em relação as drogas principalmente pra quem usa.

    em um ponto o texto fala a verdade as drógas não são liberadas por motivos politicos.
    os politicos são os representantes do povo em outras palavras as drogas não são liberadas pq as pessoas não querem.

    Maconha Alcol ou cigarro, ninguem chegou a se viciar em drogas mais pesadas sem ter passado por estas antes!

    ResponderExcluir
  32. Gustavo!!

    Vc é um contador de Traficante?
    Vc é Traficante para saber oq dá dinheiro ou não??
    A canabis é uma planta, que pode-se plantar sem custo nenhum!!
    OU seja ela é só lucro p os traficantes!

    mais é cada uma viu!!
    BABACA É VC!

    ResponderExcluir
  33. se maconha nãoi dá dinheiro, por que os traficantes vendem?
    acredito que seja por causa desta estatistica aí, 60 % de quem usa maconha parte para drogas mais fortes.mas por mim nem deveria existir essas porras de legalizar ou não. de um jeito damos lucro pros traficantes de outro damos para os nossos queridos e curruptos governantes. assim não dá.

    recomeça logo porra de mundo!!!

    ResponderExcluir
  34. TEM Q FUMÁ A PORRA DA MASSA RAPÁ
    SOU TRAFICANTE TB. PQ COMPRO P REVENDER
    DÁ UMA MERRECA COQUÉ!

    ResponderExcluir
  35. O Cigarro e a bebida são drogas nocívas e que são liberadas, porém mais pesadas que a maconha. A Maconha é uma planta que contém seus efeitos menos maléficos ao corpo humano, pois acho eu que deve ser legalizada porque cada pessoa faz o que quiser da vida, acabamos com a diitadura nesse país e modernizamos o mundo, o passado já era meus amigos(as) temos que viver o presente acabando com a hipocresia, a repreensão, e todo e qualquer tipo de descriminação. UMA ERVA NATURAL NÃO PODE TI PREJUDICAR NÃO ACREDITE NOS FALSOS MORALISTAS E POLÍTICOS QUE NÃO QUEREM LEGALIZAR A NOSSA ERVA. PREJUDICANDO A NATUREZA, SEREMOS ASSIM PREJUDICADOS. LEGALIZE CANNABIS!!!

    ResponderExcluir
  36. A legalização é uma questão moral, religiosa, econômica, POLITICA, conceitual e cultural. Estive na Holanda onde há lugares e a coisa por lá não está fluindo bem, sempre há exageros (principalmente turistas que vão lá pra enfiar o pé na jaca, assim com com o abuso do uso do alcool, mas a visão sobre um usuario de maconha é muito mais destruidora.
    Num país como o nosso onde a legalização é mais pra ganhar eleitores, não vejo futuro!
    Longe de ser a solução para os problemas da sociedade, ao contrario seria uma loucura nesse momento esse tipo de coisa acontecer.
    O texto é tendencioso e preconceituoso com quem tem uma posição contrária a Droga e evidencia o preparo ou despreparo do povo para uma possivel legalização ou luta pela mesma.
    Defender um ponto de vista não é atacar o outro!

    ResponderExcluir
  37. Sim a maconha da dinheiro para traficantes FATO! Eu não sei o por que de tanta falta de educação nesses tipos de post! Qual é a dificuldade de colocarem seus argumentos a favor ou contra e ver quem consegue convenser o outro? Abram a mente!
    Ninguem disse que a maconha ou qualquer outra droga seria legalizada para que todos pudessem sair usando e abusando, para isso não é preciso ser legalizado! O problema é a pessoa ser nomeada como traficante ou bandido por que escolheu uma droga que acha muito menos prejudicial que outra! Eu so fumei maconha pela primeira vez por curiosidade, mas somente depois de pesquisar muito antes. Quando usei verifiquei que os efeitos durante o uso e pós uso são visivelmente menos prejudiciais do que o alcool! Então pergunto, você têm o direito de escolher beber ou não, de fumar ou não cigarro, de usar qualquer tipo de droga(incluindo remedios) por que eu não posso opitar por fumar maconha que prejudica a minha vida muito menos que outras drogas? por que me consideram bandido se eu estudo, trabalho, ganho minha vida como qualquer outra pessoa? eu não posso escolher como me divertir(evidente que assim como eu odeio a fumaça de cigarros perto de mim eu não fumaria maconhar perto de outras pessoas)? por comprar de bandidos? Por que não nos deixam plantar para uso proprio? ou por que não permitir a venda legal em comercios como qualquer outra droga legal e gerar lucro para o estado? O que vocês temem tanto para repudiar com tanta veemencia a maconha? O que vocês conhecem sobre a maconha ou sobre quem usa para dizerem que nós estamos errados em usar? Quem são vocÊs para julgarem os meus atos ? Não ligo a minima se você é contra, mas minha mente é totalmente aberta para tentativas de me convenser que estou errado. Digam, argumentem, convensem! Um debate funciona assim e não com palavras sem fundamentos ao vento!

    ResponderExcluir
  38. Oni, espero que seu filho esteja fumando um beck agora. Seu infeliz, para de acreditar no que você ve na TV e vai pesquisar em outros meios de comunicação. Aceite a verdade, abra a mente!

    Quem financia a morte de gente do bem é o governo, o sistema é burro. Fuck The System

    ResponderExcluir
  39. Querem saber pq a maconha não é legalizada, o Oni ta ai pra responder, esse merda é o exemplo de lobotomia imposto pela sociedade.
    Provavelmente esse ignorante bebe, considerando que boa parte da população o faz, então deveria avalaiar pq se uma substancia que comprovadamente provoca: dependencia, mortes, aumento da agressividade etc, é permitida, pq a cannabis que possui até uso terapeutico não é???
    Reflita brother, para de ver televisão e vai se informar, vai estudar sobre o que voce esta falando, ao invés de ficar por ai falando besteira e ofendendo os outros....

    ResponderExcluir
  40. Me mantenho alheio à discussão. Tanto a legalização, discriminalização ou manter a ilegalidade tem fatores bons e ruins. O fato é que a verdade é subjetiva, cada um encara como quer.

    Só acho que alguem que precisa de erva pra ser feliz, é um fraco. E, sinceramente, se de repente uns 10% dos usuários são "responsáveis", os outros 90% são uns vadios e fazem a fama. Tem coisa muito mais importante pra ser discutida, do que legalização de droga... A reforma começa pela educação, não pela maconha.

    ResponderExcluir
  41. 90%? tirou isso da onde?
    Pra fazer a ma fama não precisa de muitas pessoas! Basta algumas! E as que fazem a má fama das drogras é o crack e drogas que criam grande dependencias!

    O que você considera ser um fraco? Existem muitas maneiras de ser feliz e cada um encontra a que lhe melhor satisfaz!

    ResponderExcluir
  42. ONI, UM BJÃO PRA VC E UMA BOA VIDA...JAH NO CORAÇÃO MANO!!!

    AGORA VOU FUMAR UM ALI!!!

    ResponderExcluir
  43. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  44. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    Bando de Maconheiro FDP..
    Sou policial, aki em Salvador..
    POr isso qndo eu pego um maconheirozinho safado
    Eu arrebento e faço comer a maconha!
    Rebanho de discarados hipócritas, e imorais!
    Desrespeitam tudo... ficam chapados por ae fazendo merda... Dando trabalho p a a sua família!!
    Mente aberta é o caralhoo rpazz..
    É pq vcs dai de suas casas não vêem oq essa merda faz com as crianças... na periferia..
    O GOVERNO É UM GRANDE CULPADOOO SIM!
    MAS VCS FINANCIAM DIRETAMENTE O TRÁFICO!!
    E FINJEM QUE NAO ACONTECE NADA!

    A CADA MACONHAZINHA, POZINHO Q VCS USAM..
    UMA CRIANÇA É ARMADA NAS FAVELAS E PERIFERIA>..

    LIBEREM ESSA PORRA... OU EXTERMINEM ESSA DROGA!!!

    ResponderExcluir
  45. Como já disse Arnold Schwarzenegger: "maconha não é droga, é uma planta". Droga é crack, cocaina, preconceito, intolerância e gente como o muleque acima que se diz puliça. hehe

    ResponderExcluir
  46. Christian...
    Eu fui oq postei acima...

    Sua resposta é um diário de um maaconheiro..
    Idependente de ser planta.. É PROIBIDA!!!
    E não sou muleque.. tenho 35 anos... e já tenho discernimento para saber oq é bom ou ruim....

    Já que vc se axa tão sabichão..
    me diga uma coisa....
    95% dos usuarios de crack e cocaina.. começaram por qual droga???
    Tenho preconceito sim...
    Se vc quer queimar seus neuronios é preblema seu.. Agora axar q isso é certo.. ESSE É O PROBLEMA CAROO!!!
    Por isso que vos digo... ESTOU INTOLETANTE MESMO.. COM MACONHEIROSZINHOS COMO VC!!
    Q FUMAM E ACHAM QUE EStão fazendo a coisa mais certa do mundo!!

    ResponderExcluir
  47. Queria realmente saber aonde você encontrou tais estatísticas. O link abaixo lhe dará mais informação e, talvez, você seja menos preconceituoso e intolerante e cumpra a função profissional que é defender a sociedade dos verdadeiros males.
    http://www.diariodaerva.com/2010/12/droga-mais-nociva-do-mundo-e-o-alcool.html
    Tenho 40 anos de idade, pai de família, também agente do direito e fumo a mesma maconha que até ex-ministro que é da sua terra já fumou.

    ResponderExcluir
  48. E tem mais:

    http://www.diariodaerva.com/2010/08/maconha-porta-de-saida.html

    ResponderExcluir
  49. Amigo!!
    Essa estatisctica é um senso comum que EU como Policial vejo a todo momento,
    Rpaz... eu tenho consiência que existem pessoas que usam maconha e mantêm uma vida normal, tem seus filhos... Mas essa é a MINORIA!!!!!!
    desculpe se te ofendi, mas cara, não tem como não ser intolerante.. vc compra na mão do traficante... vc está ajudando ele a comprar arma, a colocar um guri pobre como aviãozinho,
    Tb tennho consiência que o verdadeiro lucro deles está na cocaina e crack... Mas a maconha tb é proibida por lei, e vc se diz agente do direito... Agente Hipócrita...

    Amigo, não quero que vc pare de fumar sua maconha, não quero exterminar todos os usuários!!
    Só peço uma coisa.... OU LEGALIZA a maconha.
    OU modifica o código penal para o crime de tráfico de drogas, ou seja, qualquer um, até um simples usuário seria enquadrado no crime de tráfico!

    Christian, vc deve ter uma vida estabilizada e tranquila, deve ser advogado ou algo do tipo...

    Vc não sabe 5% do que isso faz mal, não para o seu corpo, mas para a sociedade... Aqui em Salvador, morre mais 30 pessoas p/ final de semana... e lhes garanto.. mais da metade dos homicidios é oriundo do tráfico de drogas afins... E A COMPRA QUE VC FAZ DE UM SIMPLES CIGARRO DE MACONHA DE 5 REAIS... ESTA MANTENDO AQUELA BOCA DE FUMO ABERTA... VC E MAIS MUITOS COMPRAM.... ESTÃO DANDO ARMAS PARA ELEs... LUTAREM CONTRA A GENTE, MATAR PAIS DE FAMILIAS, QUE ESTÃO COLOCANDO A VIDA EM RISCO POR UM SÁLARIO DE MISERIA, MAS SABE PQ..?? POR AMOR A FARDA!!!!!!!!!!

    Sei que há corruptos, mal intencionados...
    Mas a grande maioria dos Policiais Miliares são Honestos e dão a vida para derrubar esse cançer na nossa sociedade que é as drogas e o Tráfico de Drogas!

    ResponderExcluir
  50. "Eu arrebento e faço comer a maconha!". São palavras suas. Agora vem com ar de bom moço. Fala sério.
    Não vou filosofar aqui sobre sociedade. Leia Hobbes, Locke, Rousseau etc. Existem coisas piores do drogas. Por exemplo: policiais que, não sua limitada e deturpada visão de mundo, se acham juízes e carrascos, impondo a violência como a solução.
    Obrigado mas não preciso dos seus conselhos. Guarde-os para as pessoas que você espanca.

    PS: Ainda não deu frutos, mas eu planto minha cannabis.

    ResponderExcluir
  51. Christian!

    Vc se acha dono de uma verdade absoluta!
    Para mim vc é igual a um traficante, um assassino, um estuprador, um ladrão.
    VC È UM CRIMINOSO!
    Não dei uma de bom moço não... muito pelo contrário.. Me acho uma pessoa com péssimos hábitos e pensamentos...


    MAS VC É UM MACONHEIRO.. isso é que importa..

    Ler Hobbes, Rousseau???
    Querido, eu sou formado em Letras e estou concluindo História pela Universidade Federal da Bahia, portanto, conheço muitos desses GUIAS para vc!!
    Sou estudioso de nietzsche e professor de Literatura do Brasil. Além de Ser POLICIAL MILITAR.
    Posso ser um pouco ativista no meu modo de pensar, mas sei que VC É UM DOS CULPADOS PELA VIOLÊNCIA ESTAR ASSIM!

    DISCUTIR COM VC É PERDA DE TEMPO...
    Pois no post paassado, coloquei vários tópicos... e vc passou por cim de todos.. PQ SABE QUE TÁ ERRADO.. MAS NAO VAI ADMITIR NUNCA!!!!

    QUERIA FICAR FRENTE A FRENTE COM VC..
    Queria ver seus Pensamentos Epistemológicos....
    Ter uma discussão sobre isso... queria ver vc rebater todos os pontos...
    REBATA AI QUERO VER

    ME DIGA SE:

    1- O ALTO INDICE DE MORTES NÃO É ORIUNDA DO TRÁFICO?

    2- CRIANÇAS COM ARMAS NA MÃO NÃO É CULPA DO TRÁFICO?

    3- POLICIAIS MORREM EM TROCA DE TIROS COM TRAFICANTES?

    4- A MACONHA É O PONTO DE PARTIDA PARA AS OUTRAS DROGAS?


    ME EXPLIQUE ISSO SENHOR METAFISÍCA!
    DONO DE UMA VERDADE ABSOLUTA!
    OU MELHOR...
    CRIMINOSO E AGENTE DE LEI HIPÓCRITA!

    ResponderExcluir
  52. Sr. Policial Militar Anônimo Mimimi,
    Não sei realmente porque lhe respondo. O Senhor já se mostrou intolerante, agressivo, leviano e desinformado. Abra sua mente, pesquise, analise e pare de atacar as pessoas, principalmente as que o senhor não conhece.

    1º) Não sei a que "alto índice de morte" o Sr. se refere. O trânsito mata muito, o cigarro (enfatizo aqui uma droga liberada) também, a fome e outros que poderia citar;

    2º) Lugar de criança é na escola. Culpe o Estado por isso.

    3º) A maconha responde por metade das vendas dos traficantes. O Estado economizaria mais recursos se tratasse as vítimas das drogas do que com um aparato policial despreparado (vide o senhor) e ineficaz . Droga é um problema de saúde e não de polícia.

    4º) Acho bom o Sr. revisar suas fontes de informação. O ponto de partida para outras drogas é o álcool. http://hempadao.blogspot.com/2010/11/ed-88-hemportagem-pesquisa-aponta.html.

    Quanto a debater cara a cara, confesso que tenho medo de uma pessoa tão beligerante e inapta que carrega consigo uma arma e outros latifúndios de intolerância.
    Parafraseando o filósfo alemão: “O homem é definido como um ser que evolui, como o animal é imaturo por excelência”. Cresça senhor puliça.

    ResponderExcluir
  53. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Cara!
    Eu me sinto num profundo obscuro, quando discuto contigo!
    Vc trata as coisas de forma bem leviana e branda!
    Como se tudo fosse facil de resolver, como se a sua droguinha não fizesse mal algum sociedade e/ou ser humano.
    Quanto a isso sou intolerante mesmo, as suas réplicas quanto aos meus pontos edificam o meu pensamento quanto a vc...

    Christian:
    - Todo conhecimento é auto-conhecimento
    - Todo conhecimento é local e total

    Portanto, todas as suas respostas foram carregadas de conveniência e individualidade, ou seja, suas respostas só responderam ao que lhe foi conveniente e ao que não deixasse de legitimar p seu ato criminoso!

    Realmente a culpa é do estado, isso eu concordo plenamente contigo.
    Sabe qual a culpa?
    Deixar vagabundos e criminosos como vc à solta!
    Passar a mão pela sua cabeça quando vc for pego por uma Blitz, portando uma certa quantidade de drogas.


    Tava revisando suas réplicas!
    kkkkkkkkkkkkkk
    Amigo, vc devia ter vergonha na cara!!!!
    a sua resposta ao tópico 4
    é um BLOG DE MACONHEIRO
    o quão verídico é isso????

    as minhas fontes de informações são as melhores possíveis... sabe qual?

    AO VIVO!!!! - Quando pego um traficantezinho, ou um usuário fazendo um assalto ou furto..
    Levamos p delegacia em jurisdição e depois a mãe aparece chorando e dizendo:
    Ele começou com um baseadozinho, ae foi piorando e as amizades influenciando!

    Ao 3º tópico:
    kkkkkkkkkk de nv

    Drogas é SIM PROBLEMA DA POLICIA!!!!
    http://www.jusbrasil.com.br/legislacao/85840/lei-2428-67-bahia-ba

    sabe pq?
    Pq é contra a lei o uso de drogas e entopercentes!
    E compete a polícia, fazer com que as leis sejam respeitas!

    2º tópico:
    òbvio que lugar de criança é na escola!!!!!!!
    Mas a culpa não é só do estado, acho uma tremenda hipocrisia essa transposição de culpa.
    Pois que os coloca no poder É VC!!!!!!
    Então direta ou indiretamente vc é culpado tb, mesmo que seja como cúmplice!


    Finalizando:
    Aceito a nomenclatura de intoleerante!
    mas vc não se acha um criminoso, e põe a culpa no estado para tudo. Amigo, da onde vc mora, vc não vê 5% do que é a violência! Não me venha com discurssos pré prontos e de caracter maquiador. Pois soemnte que vive neesse "MURO INVISIVEL", sabe do que estou falando!

    Vc citou um filósogo alemão...
    Destarte, citarei um folósofo do senso comum, o qual vive no asfalto da rua onde moro!!!!
    "O que é um peido para quem está todo cagado"

    P.S. Eu posto anônimo pq não tenho email da GMAIL! pois n tenho medo de mostrar minha real face...

    ResponderExcluir
  54. Então venci!
    hehe

    Obrigado por desistir!
    Mas eu não desisti mano!
    Estou na Rua todos os dias
    coorrendo atrás de vagabundos como vc!
    Criminoosos... Sabe pq te ofendo assim:?

    Pois vc sabe do mal que vc faz, e acha que está certo...
    E ainda fica procurando meios e formas de legitimar seu ato criminoso!
    Se acha dono de uma verdade absoluta, pois estudou e acha que mais ninguém estuda!

    Fé e Ideologia são SUBJETIVOS E PERSONALIZADOS!
    Tenho consiência que não mudarei sua opinião e nem de longe era minha intenção!!!!!!
    Todavia, queria discutir, provocar vcs....

    Vc vive numa linha tenüe
    que logo logo se quebrará...
    E quando quebrar, estaremos aqui para te levar em cana!
    começe a plantar sua mudinha em casa!
    Fique chapado, e mostre aos seus filhos quem vc é.... se tiver filhos né!

    Aee seu filho, inspirado no pai que tem, irá adentrar esse mundo que Às VEZES É SEM VOLTA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Tchau Palhaço hipócrita.
    Finalizo aqui meus comentários nesse Blog.
    Entrei munido de uma cunha e sem dramaticidade!
    E Saio feliz, sabendo que existem pessoas como vc.... e que cairão por terra.. Assim acreditamos!

    ResponderExcluir
  55. Cara, eu te achava um babaca. Mas agora acho que tu é um subnitrato de cocô de ameba.
    Uma pessoa rídicula que se diz prof. de literatura e, pela retórica, monstra-se um analfabeto. Quase tenho pena.
    Quando disse que desistia, quis dizer: FODA-SE.

    ResponderExcluir
  56. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Mano como vc gosta de ussar um incrivel artificio da literatura...
    Esconder o verdadeiro entendimento, uma solução, um significado!
    Deixar apenas 10% na superficie e os 90% no fundo p ser interpretado...

    Sou um formalista russo!

    Pena de mim????
    Pq irmão? Tenha pena de si mesmo!

    Outra coisa. não vamos baixar o nível
    A nossa discussão estava tão interessante..
    e vc mandando eu me fuder?
    porra é essa mano?
    Só te xinguei duq se enquadrava no seu perfil!


    Gostei do Subnitrato de cocô de ameba..
    Ma, como digo "Palavras ao Vento"

    "Existem verdades mais verdadeiras que a própria verdade" - Paulo Coelho (VIADO)

    Mas continuarei citando um filósofo do senso comum, o qual vive aqui na rua...
    " Vai chorar é? Chore na minha! "

    ResponderExcluir
  57. Mandei o sistema se fuder. Ainda mais com Sarney de presidente novamente. FODA-SE o Brasil, foda-se a sociedade, foda-se você, foda-se eu, foda-se todo mundo.

    ResponderExcluir
  58. Ahh!! ENTÃO FODA-SE O MUNDO? kkkkkkkkkk
    Pelo que percebi acho que vc é leitor de Karl Marx? ou me enganei?
    Rpaz... eu tbm estou revoltado com o nosso governo...

    Aqui em Salvador ganho um salário de miséria!
    O Governo do PT aqui está em decadência!
    A prefeitura é a pior desde a era ACM
    Vários serviços fornecidos pelo municipio está em greve, pois a prefeitura não paga os salários!!!

    Cara...
    Ideologias a parte.
    Vc tem a sua ideia, Independente se eu a acho errado ou não...

    ESTADO LAICO JÁ!

    Acredite se quiser... mas eu digo se quiser mesmo!!!!

    EU SOU A FAVOR DA LEGALIZAÇÃO DA MACONHA!

    MAS ENQUANTO ELA NÃO É LEGALIZADA, É ERRADO, FAZ MAL À SOCIEDADE.

    ACREDITO QUE SE ELA NÃO FOSSE PROIBIDA, POUCAS PESSOAS USARIAM.. E ACABARIA CAINDO NA NORMALIDADE COMO O CIGARRO E O ALCOÓL!

    JÀ VI QUE VC GOSTA DE FICAR CHAPADÃO!!!
    VIAJANDO EM KASA FUMANDO...

    Cada um comm sua maconha!

    ResponderExcluir
  59. Fumo mesmo..
    Trabalho pra compra
    fiko viajando..
    Em paz com minha familia
    Nun trato ninguem mau, pelo contrario.
    LEGALIZA ESSA PORRA

    ResponderExcluir
  60. Ai de cima!
    Vc é SACIZEIRO hahahahahahahaha
    minha droga é a cachaça como agua mermo
    negocio de massa, p ficar lokão n gosto de ficar em agauaça!

    ResponderExcluir
  61. Cara, cada um fode a vida como quer... quem não quer se põe em seu lugar! Quem quer fumar, ficar lesado, achar que tudo é lindo e perfeito, viver em um mundo superficial por alguns instantes, e achar que aquela porcaria vai te trazer felicidade (que caso vocês não tenham notado eu vos digo que a maconha possui um prazer momentâneo, depois tu acorda pra vida)faz se achar que é o melhor pra ti! Agora se tu quer ter uma vida tranquila, se não depende de nada pra ser feliz, se você não é covarde e sabe enfrentar as dificuldades de frente, você é um cara esperto e tem tudo pra se dar bem na vida ;) ... beijos e se cuidem cannabis!

    ResponderExcluir
  62. Cada um sabe o poder que tem sobre si mesmo e sobre as drogas, fumo de vez em quando com os amigos, me divirto e relacho. quanto a liberação da erva , a isso ainda vai longe..o se vai.
    otimo post.
    ABS.

    ResponderExcluir
  63. quem e q joga fumaca pro alto chega na cena e toma de assalto kkkkkkkkkk po bicho eu fumo um baseado ae e sabe trabalho tenho minhas rsponsabilidades de boa entao tem q libera ae saco

    ResponderExcluir
  64. Bom não sou contra quem usa drogas , mas eu acho que tudo que vicia preujudica a saúde e futuramente trás danos inrrecuperáveis .
    Mais eu acho que a maconha só não é liberada em alguns países Porque o GOVERNO não está ganhando dinheiro com a venda , mas concerteza se o GOVERNO estivesse ganhando teria até propaganda na televisão USE MACONHA ! mas como o governo não ganha nada eles prendem , julgam e etc. As vezes existem bandidos do tráfico mas as vezes pode ser um pai de familia , nunca se sabe ... mas eu acho que não liberam a maconha por causa que o governo não tem nenhuma renda e nem taxinha de juros .

    ResponderExcluir
  65. C ara que galera mais critica,alguém ai ja ouviu em livre arbítrio?, quise fuma fume, quise bebe beba, quem quiser ficar em casa coçando o saco fique, cada um faz o que quiser, seja independente de qualquer coisa, " EU FUMO E NINGUEM TEM NADA A VER COM ISSO ♪'

    ResponderExcluir
  66. Nao entendo um pessoal, eu nao fumo maconha e sofro tb com os traficantes pois ja me assaltaram varias veses, so que o pessoal que eh contra usar a maconha falam que os usuarios estao ficanciando o trafico. entao eh por isso mesmo que seria bom liberar que assim o governo ganharia cobrando impostos altissimos que nem com o cigarro e com o dinheiro fazer investimentos para que as pessoas diminuissem o uso dessas e das de mais drogas, eu sei muito bem que muitoss usuarios prefeririam mil veses comprar em lugares legalizados do que comprar em becos escuros perigosos e da mao de traficantes, sou totalmente a favor da legalizacao e quanto a fazer mal ou nao esta provado que muitas coisas fazem mal inclusive o cigarro que eh liberado, e cada um tem o direito de cuidar da sua vida e escolher o que quer pra ela.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentario, opinião, ou sugestão:

Related Posts with Thumbnails