As Nuvens "Manhã de Glória"



Estas estranhas e raras formações de nuvens chamadas de "Manhã de Glória" se formam a cada primavera sobre Burketown, Queensland, na Australia. Elas podem ter ate 1.000 quilometros de comprimento e chegam a ter até 2 quilometros de altura.
















































Embora tenha surgido nuvens semelhantes em outros lugares do mundo, elas ocorrem com maior frenquencia na Australia a cada primavera.

Longos tubos circulares de ar podem se formar quando fluxos de umidade e ar em resfriamento encontram uma camada de inversão, uma camada atmosférica em que a temperatura do ar aumenta com a altitude.
Uma Morning Glory se forma como uma “pororoca”, em que o rio é represado pela maré cheia até que o equilíbrio se rompe e uma onda é formada. No caso da Morning Glory, ela se forma quando uma massa quente de ar tropical descendo do Equador para latitudes baixas encontra uma massa fria e não conseque transpô-la. A pressão se acumula no lado quente, e uma barreira estática de nuvem é formada.

Quando o sol nasce e esquenta o ar frio, o equilibrio se rompe, e a nuvem comeca a se mover. Por esse motivo o nome dado é Morning Glory (ou “Gloria da Manhã”): o fenômeno não acontece em hora nenhuma do dia, exceto logo após o nascer do Sol. A Austrália, mais precisamente no Golfo de Carpenteria, no extremo Norte australiano, é o lugar do mundo onde sua incidência é maior, ocorrendo basicamente (e somente) entre o fim de setembro e o fim de outubro.

Essa nuvem é tão extensa que pode ser vista por satélites como uma longa tripa. Uma vez formada, a nuvem se desloca para latitudes mais baixas a uma velocidade entre 30 e 50 km por hora, até desaparecer de repente, da mesma maneira que se formou.

FONTE:

Um comentário:

Deixe seu comentario, opinião, ou sugestão:

Related Posts with Thumbnails